Histórico da Paróquia

O Conjunto Prefeito José Walter é constituído em sua maioria por moradores católicos. Uns dos responsáveis por esse fervor religioso tem sido a intensa atuação dos religiosos Sacramentinos nesta paróquia. Os primeiros padres que aqui chegaram foram Teodoro e Cristiano quando ainda não tinham sido concluídas terceira e quarta etapas. O primeiro passo dado foi de visitação às famílias, pois o José Walter era um bairro dormitório onde as pessoas saíam pela manhã e só retornavam à noite. Tudo era difícil: água, transporte, ônibus; supermercado nem pensar. Existia a feira que era na praça do colégio Raquel de Queiroz e quando era preciso fazer a feira do mês era preciso se dirigir ao centro da cidade. Aos poucos as pessoas iam montando seus pequenos comércios para as coisas emergenciais e até hoje temos grandes supermercados que começaram e perseveraram.

A coragem dos primeiros padres foi uma bênção na caminhada desta paróquia, juntos muitos leigos que iam chegando iam se agrupando e  começando o trabalho de evangelização.

Os padres Holandeses, Teodoro e Cristiano, da cidade de Cuijk, província de Barbantia, nos países baixos da Holanda deram tudo de si por esta Paróquia. Logo foram traçando metas de ação pastoral para atender o povo que ia chegando e precisava dos sacramentos e da Eucaristia. Dividir o serviço por ruas foi uma das iniciativas para melhor trabalhar. Diversas reuniões na casa dos padres iam acontecendo. Pe. Cristiano era o Pároco e Padre Teodoro Vigário cooperador como era chamado na época. Nossa paróquia não pertencia a nenhuma outra, pois foi fundada sem desmembramento e a partir daí a comunidade São José do Itaperi que já tinha pertencido a Parangaba e ao Mondubim passou a fazer parte da nossa.

A primeira missa foi celebrada no dia 8 de maio de 1970, em frente à Escola Diogo Vital de Siqueira.

A Paróquia Santíssima Trindade foi criada em 5 de Fevereiro de 1971, por decreto do então Arcebispo de Fortaleza, Dom José de Medeiros Delgados, assinado por ele durante uma missa solene que recebeu o mesmo nome da Paróquia. Antes da sua conclusão, as missas semanais eram na  Capela da casa dos Padres Sacramentinos, na Rua 65 nº 40, onde funcionava também a  secretaria.

A Paróquia ia caminhando e se estruturando em suas atividades, pastorais e celebrativas. A primeira pastoral criada foi a da Saúde,  em seguida Batismo, Mesc, Catequese, Liturgia, Pastoral familiar (curso de noivos coordenada por Sr. Victor, Senna e Ângelo Pérsico), o Dízimo, que era arrecadado nas casas e ao mesmo tempo recebia-se doações em alimentos para os carentes da comunidade. E para a conscientização da palavra de Deus foi criado os círculos bíblicos coordenado por Dona Dolores que foi agregando outras pessoas e multiplicando as mesmas, evangelizando as famílias. Os grupos de oração já apareceram nos anos 80 com a chegada de padre Humberto.

As missas dominicais eram realizadas nas escolas até a construção da igreja Matriz. Os casamentos e batizados eram realizados numa  casa  da Rua 20 cedida por uma senhora do bairro.

No dia 13 de abril de 1975 foi feito o lançamento da Pedra Fundamental na Av. C, e no dia 04 de maio do mesmo ano foi celebrada uma missa às 17h com a presença de Dom Edmilson Cruz e diversas autoridades civis e uma grande multidão de fiéis. O altar era em cima de um caminhão.

A construção da Igreja aconteceu de forma acelerada. A primeira missa na Igreja, mesmo em construção, foi no dia 16 de agosto. Os desafios eram muitos, mas o sentimento de fortaleza vindo da graça de Deus e o apoio dos religiosos Sacramentinos, que iam chegando, motivavam a caminhada e a fé na palavra de Deus.

Vários foram os Padres que conviveram conosco nestes anos. Pe. Teodoro, Pe. Cristiano. Pe. Adriano (falecido em 13 de junho de 2005) que foi articulador do MESC da  Arquidiocese e Região, trouxe para a paróquia o ECC e deu continuidade a construção de diversas capelas por ele pastoreada que são: Igreja de Cristo Ressuscitado continuidade deixada por Pe. Humberto, as capelas do Parque Dois Irmãos, Veneza Tropical e Tupã-Mirim.  Pe. Humberto trouxe os grupos de oração e fortaleceu as pastorais, incentivando os agentes através de visitas às mesmas. Reformou o presbitério da Igreja Matriz deixando-o mais acolhedor, construindo também o Centro de Pastoral da Matriz. Pe. Anízio que foi Pároco durante 11 anos fortaleceu as pastorais principalmente a do Batismo, numa nova estrutura de acordo com o Diretório Sacramental da Arquidiocese. Articulou, através de formações especificas em forma de oficinas, a liturgia ensinando o modo correto de celebrar de acordo com cada tempo litúrgico. Foi fundador da Escola de Formação (EFOSM) preparando agentes multiplicadores de pastoral e protagonistas de uma nova evangelização em nossas comunidades. Pe Regivaldo foi o idealizador da missa mensal sempre no dia 13, lembrando a presença de Nossa Senhora em nossas vidas. Diáconos Gilberto, hoje Padre , Diácono Rocha e por último Pe. Ruy que já está conosco há sete anos e que no desempenho de suas funções resgatou a cultura popular, estruturou as coordenações de algumas pastorais, grupos e movimentos, a nível paroquial, construiu algumas capelas e reformou o maior sonho de nossa história: a Igreja matriz. Mostra-se um bom administrador, e orientador e motivador de coordenadores para se formarem em suas funções.

Ressaltamos a presença das irmãs Dorotéias e Missionárias que articulavam a pastoral da saúde, catequese, juventude, círculos bíblicos. Queremos fazer menção a Ângelo Pérsico um padre casado que ajudava os demais padres na celebração da palavra, batizados e casamentos. Faleceu em 01 de maio de 2002.

Em 05 de fevereiro houve o desmembramento de sete comunidades que tem hoje sua sede no Parque Dois Irmãos (Paróquia Mãe Santíssima).

Atualmente está Dividida em 3 Áreas:

Área São José: São José – Itaperi. Nossa Sra. Aparecida – Itaperi.

Área Santíssima Trindade: Matriz – José Walter, Cristo Ressuscitado(Terceira Etapa), Sagrada Família de Nazaré (Pequeno Mondubim), São Pedro Apóstolo (Mutirão), Santo Antonio (Parque Montenegro).

Área Santa Edwiges: Santa Tereza D’Ávila (Cidade Nova), Nossa Senhora do Rosário (Planalto Airton Senna), Santa Edwiges(Ipaumirim), Nossa Sra. do Santíssimo Sacramento(Jardim Arvoredo, Nossa Sr. do Perpétuo Socorro (Jardim Arvoredo).